FLAGRAS DE MSN

15.Jul.11 | 17:29

Quando tudo parecia estar acabado, eles voltaram!

Com vocês a sessão mais aguardada da internet, os Flagras de MSN!

***

É por pegadinhas como essa que eu digo que o futuro será apenas uma repetição do passado.

Não conhecia essa? Bem vindo à 1993.

***

Frases do poeta bipolar:

Pode melhorar, mas depois você vai pro fundo do poço.

***

Romantismo é para os fracos!

Pelo menos o cara já gozou hoje.

***

O importante é ter auto-estima.

Pra quê? Pra ver o cara forte, bonito, charmoso e cheiroso?

***

Disse o poeta:

É como quando eu entro em uma briga. Ou mato ou morro! Ou corro pro mato ou corro pro morro.

***

Sinceridades que só encontramos na internet.

Acho que era oriental. ACHO!

***

Da série: “Português é para os fracos!”.

Não deveria nem pegar recuperação, era só matricular de novo no Pré.

***

Frases antigas, novas roupagens!

E pôe DIFÍCIL nisso!

***

Mais piadas do século passado invadindo o MSN.

Gosta de laranja? Então vou dar um saco pra você chupar!

***

A promoção que vai te deixar RICO!

É por isso que os pais se intrometem tanto na nossa vida, né?

***

Você é ou não é?

O coração do Michael Jackson não bate. Só isso. Não bate.

***

Como descobrir que são dois nerds conversando no MSN?

You Lose!

***

Às vezes é melhor ser cego!

Çério!?

***

A verdadeira ‘pegadinha’.

Ahhhhh… danada!

***

Mas já não basta o habitual?

E segundo a Ângela Bismarchi

E eu pergunto: e vice-versa?

***

O ruim não é estar sozinho, em casa e bêbado

O ruim é não ser uma das pessoas deste casal!

***

Aprenda para sempre: Não dá pra ser romântico pela internet.

Pô, Nats! O cara só estava sendo gentil.

***

Chega de Vitórias no mundo. O novo nome para garotas é…

#EuRi

***

Perigo de sincronizar o MSN com os arquivos de áudio.

Ou de deixar aberto no escritório.

***

Tem rádio que é a cara do ouvinte!

Ou uma overdose de sucessos!

***

Envie o seu Flagra de MSN para flagras[arroba]jacarebanguela.com.br

Share on FacebookTweet about this on TwitterGoogle+Pin on Pinterest

Comentários